O Top 10 das Certificações de TI

PMG Academy

PMG Academy

em 8 de abril de 2020
O Top 10 das Certificações de TI

Fique ligado

​Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

O Top 10 das Certificações de TI

Você tem ideia de quais são as Top 10 Certificações de TI? Pois bem… sem muita surpresa, os candidatos a emprego com certificações em segurança e computação em nuvem, assim como, aqueles que possuem conhecimento validado em planejamento, desenvolvimento e manutenção de sistemas, são extremamente atraentes para os empregadores.

Dito isso, vamos agora conhecer as Certificações de TI que estão em alta no mercado:

1. ITIL

Um acrônimo para Information Technology Infrastructure Library, o treinamento ITIL oferece uma série de certificações que atravessam diferentes dimensões das melhores práticas. Como sabemos, a ITIL v3 hoje está em processo de evolução para a ITIL 4.

Por isso, a Axelos (detentora dos direitos sobre a ITIL) aconselha que os candidatos a um certificado ITIL v3 Foundation, estudem direto para a ITIL 4. já para os de nível intermediário, a dica é continuar a trilha da ITIL v3, a fim de conseguirem as habilidades necessárias.

Atualmente estão disponíveis duas certificações do programa ITIL 4: a ITIL 4 Foundation e a ITIL 4 Managing Professional, mas em breve serão lançados outros níveis.

E realmente não há motivos de preocupação para quem já tinha dado partida na trilha  ITIL v3, pois a ITIL 4 foi desenhada levando isso em consideração, de modo a permitir que os profissionais entendam claramente quais caminhos devem seguir para continuar sua caminhada ITIL.

Conheça um pouco da ITIL 4 neste curso gratuito: Curso Online ITIL 4 Overview – ITSM Best Practices Introduction

2. CISSP

Para se candidatar a CISSP – Certified Information Systems Security Professional – o candidato precisa ter cinco anos de experiência em pelo menos dois, dos oito domínios abrangidos pelo exame. São eles:

  • Segurança e Gerenciamento de Riscos
  • Segurança de Ativos
  • Arquitetura e Engenharia de Segurança
  • Segurança de Comunicação e Rede
  • Gerenciamento de Identidade e Acesso (IAM)
  • Avaliação e Teste de Segurança
  • Operações de Segurança
  • Segurança de Desenvolvimento de Software

Um profissional de Segurança da Informação certificado em CISSP tem grande prestígio no mercado, devido ao fato de que o exame cobre uma vasta gama de conhecimentos imprescindíveis para a atualidade, como por exemplo, computação em nuvem, segurança de dispositivos móveis, desenvolvimento de aplicações de segurança, etc.

3. CompTIA A+ Core

Esta é uma certificação mais básica e abre oportunidades de trabalho para profissionais de TI que estão se lançando no mercado,  como por exemplo:

  • Os técnicos de serviço para os principais fabricantes de computadores
  • Suporte técnico
  • Técnicos de serviço de campo
  • Suporte de TI técnicos, administradores e especialistas

De acordo com o site da CompTIA, para conquistar o certificado os candidatos devem realizar dois exames:

  • 1. CompTIA A+ 220-1001 – que cobre dispositivos móveis, tecnologias de rede, hardware, virtualização e computação em nuvem, e resolução de problemas de rede.
  • 2. CompTIA A+ 220-1001 –  que cobre a instalação e configuração de sistemas operacionais, segurança estendida, resolução de problemas em software e procedimentos operacionais

As provas são compostas por até 90 questões de múltipla-escolha (resposta única e múltipla), arrastar e largar e questões baseadas no desempenho. Para fazê-las, a CompTIA recomenda que os candidatos possuam de 9 a 12 meses de experiência de trabalho em laboratórios ou campo de atuação.

4. Scrum Master

A validação dos conhecimentos em Scrum Master é bastante interessante para profissionais  como: gerentes de projetos de TI, líderes de projetos, gerentes de programas, gerentes de software, gerentes de negócios, gerentes de serviços de TI, desenvolvedores de produtos, etc.

Porém, atualmente, a metodologia Scrum e suas técnicas de gerenciamento ágil têm conquistado outras áreas, para além dos habituais projetos de Tecnologia da Informação, o que agrega ainda mais valor a esta certificação.

O Instituto Exin oferece o exame de certificação em Exin Agile Scrum Master, que cobre os seguintes assuntos:

  • Modo Ágil de Pensar
  • Papel Mestre do Scrum
  • Estimativa, Planejamento, Monitoramento e Controle Ágil
  • Projetos Complexos
  • Adotando Ágil

5. PDPE – EXIN Privacy and Data Protection Essentials (LGPD)

Em 2018 foi autorizada a lei brasileira LGPD (Lei Geral de Privacidade de Dados Pessoais), que deve entrar em vigor até 2021. Essa legislação determina como as empresas devem recolher e lidar com os dados e as informações dos cidadãos, assim como indica as infrações e as respectivas punições cabíveis.

Essa lei teve como modelo de construção o GDPR – Regulamento Europeu sobre Privacidade de Dados Pessoais, e, portanto, para que as empresas estejam à ela adequadas, necessitam possuir um DPO – Data Protection Officer, ou seja, um Encarregado de Privacidade de Dados.

É a aí que entra a necessidade e importância dessa certificação, pois a demanda por este profissional deve aumentar muito nos próximos anos.

Por isso, o Instituto Exin criou um programa de certificados para formar um DPO. Ele é composto por três certificações: PDPF – Exin Privacy & Data Protection (esta é pré-requisito para a segunda); PDPP – Exin Privacy & Data Protection Practitioner e ISFS Exin Information Security Foundation (baseado na ISO/IEC 27001). Com essas três o profissional já é considerado um DPO.

Mas com a chegada da  LGPD, a lei brasileira, o Exin viu a necessidade de criar também uma certificação específica para ela. Então, em 2019, lançou a certificação PDPE – EXIN Privacy and Data Protection Essentials, visto que é urgente a formação de profissionais com os conhecimentos também na LGPD.

6. CompTIA Security +

Reconhecida internacionalmente a certificação Security + é um fornecedor neutro, visto que abre oportunidades de emprego em qualquer indústria ou empresa.

Seu processo de certificação exige, no entanto, que o candidato possua a certificação CompTIA Network+ e dois anos de experiência em administração de TI, com ênfase na segurança.

O exame testa várias áreas do conhecimento, entre elas: gerenciamento e mitigação de riscos – com ênfase na capacidade prática de identificar e lidar com ameaças, ataques e vulnerabilidades de segurança. Ele é composto por no máximo 90 perguntas, com um tempo de 90 minutos para a sua resolução e as questões são uma mistura de perguntas de escolha múltipla e de desempenho baseados.

7. PMP

Gerentes de projetos qualificados são uma tremenda necessidade para os empregadores, por isso a certificação PMP (Project Management Professional) é tão atraente. Pois além de abrir muitas oportunidades de trabalho, tê-la também permite que os profissionais prospectem um salário mais alto.

Para solicitar a certificação PMP, você deve ter:

  • Ensino médio completo (Diploma de Ensino médio, grau de associado ou o equivalente global)
  • 7.500 horas de liderança e gestão de projetos
  • 35 horas de treinamento em gestão de projetos OU certificação CAPM

Ou

  • Graduação de quatro anos
  • 4.500 horas de liderança e gestão de projetos
  • 35 horas de treinamento em gestão de projetos OU certificação CAPM

8. ISO 27001

A necessidade de profissionais preparados para lidar com as mais variadas situações, referentes à segurança da informação, tem crescido a cada dia. Por conseguinte, as certificações baseadas na Norma ISO 27001 ganharam grande destaque na atualidade.

Com o intuito de preparar profissionais de SI em todos os níveis que compõem uma organização, o Instituto EXIN oferece um programa completo de certificações que engloba os seguintes exames: ISO 27001 Foundation; ISO 27001 Professional e ISO 27001 Expert.

Os profissionais certificados em ISO 27001 obtêm uma visão geral sobre o gerenciamento, a implementação e o monitoramento de políticas de segurança internas, além de desenvolverem habilidades práticas para lidar com informações confidenciais.

Uma boa dica, caso você tenha interesse nesta área, é fazer os dois cursos gratuitos preparados pela PMG Academy, pois eles cobrem os conceitos gerais abordados pela ISO 27001 Foundation, assim como pela ISO 27001 Professional.

9. CISM

Oferecida pela ISACA, a CISM – Certified Information Security Manager – é uma certificação que foi criada para validar a proficiência do profissional em: Governança da Segurança da Informação; Gerenciamento de Risco de Informação; Desenvolvimento e Gerenciamento de Programas de Segurança da Informação e Gerenciamento de Incidentes de Segurança da Informação.

No entanto, para estar apto ao exame de certificação é necessário que você tenha, pelo menos, cinco anos de experiência  em segurança da informação, dentre eles, dois anos de trabalhos desenvolvidos como gerente de segurança da informação.

Porém, caso você não tenha a experiência requerida de dois anos, a ISACA aceita a substituição por uma CISA, Certificação CISSP, ou uma pós-graduação em segurança da informação ou áreas correlatas.

A prova é composta por 150 perguntas de múltipla-escolha que cobrem o respectivo conteúdo  e você tem 4 horas para concluí-la.

10. CRISC

A certificação CRISC  é muito renomada no mercado e também pertence a ISACA. Atualmente, ela é a única prova que valida os profissionais de TI tanto em gerenciamento de riscos de TI, como em gerenciamento de riscos corporativos. Dessa forma, ela os prepara para se tornarem parceiros estratégicos dos negócios.

Esta certificação foi projetada para profissionais de TI com vasta experiência em gerenciamento de riscos, design, implementação, monitoramento e manutenção dos controles de segurança da informação.

Portanto, para ser elegível ao exame, o candidato precisa de três anos ou mais anos de experiência em gerenciamento risco de TI e controle de Segurança da Informação.

A prova é composta por 150 perguntas de múltipla-escolha e você tem 4 horas para concluir.

 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Artigos Relacionados

Comentários

  1. Ricardo Figueiredo

    É um ótimo Artigo. Eu recomendei pra vários amigos meus. Parabéns PMG

  2. Aline Lemos

    Eu sou ITIL Foundation! Realmente vale a pena!

  3. Ricardo spinoza

    Estranho não ter certificação Oracle no top, eu imagino que Java, DBA, bpm e middleware deveria estar no rola de necessidades do mercado.

  4. wallace

    Ccna nao precisa de experiência….basta prestar a prova e passar.

  5. João

    Nada na area de desenvolvimento de softwares?

  6. MarcosSouza

    Qual cursos dentre esses citados acima vocês acreditam que um aluno do segundo anime-se ciência da computação possa fazer?

  7. Dexter

    Tirando a certificação Microsoft para SQL Server, não vi nenhuma relacionada a desenvolvimento, só para Suporte e Infra

  8. Vinicius Yuri

    Sobre o citamento do texto:

    “Para solicitar a certificação CCNA, você deve ter um a três anos de experiência na área de engenharia de rede.”

    Esta informação não procede. Não há pré-requisito, apenas que se empenhe muito nos estudos etc. Vai da preparação/experiência de cada um.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Você voltou! 😊 Expirado!
00 Days
00 Hrs
00 Mins
00 Secs
Aproveite agora o desconto de 10%! Essa é a sua última chance! Resgatar Agora!

×

Olá Visitante! 😊 Você têm: Expirado!
00 Days
00 Hrs
00 Mins
00 Secs
para aproveitar o desconto de 15% (apenas nos cursos) Resgatar Agora!

@

Não ativo recentemente
X
X
X