O que é o Modelo VeriSM™ e por que você deve saber mais sobre ele?

Adriano Martins Antonio

Adriano Martins Antonio

em 9 de fevereiro de 2021
O Modelo VeriSM

Fique ligado

​Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

O que é o Modelo VeriSM™ e por que você deve saber mais sobre ele? Entenda também, como ele funciona e descubra como ele pode transformar a Gestão dos Serviços!

O Gerenciamento de Serviços está sendo todo transformado na Era Digital. Posto que, no caso do Gerenciamento de Serviços de TI, isso ainda faz mais sentido.

Agora, temos uma vasta fração de tecnologias e recursos que estamos utilizando nos processos. Além disso, estão sendo elaboradas várias práticas de gestão e combinar tudo isso se trata sempre de um desafio.

Dessa maneira, ter um modelo operacional responsivo é fundamental para as companhias que fornecem serviços/produtos. E de fato, o Modelo VeriSM™ é o principal exemplo desse tipo de molde operacional.

Mas afinal, o que é o Modelo VeriSM™ e como ele funciona? Qual a importância dele para as empresas? É o que você descobrirá na leitura desse artigo!

PMG Academy INDICA:

O que é o Modelo VeriSM?

O Modelo VeriSM™ é um norma operacional de gerenciamento de serviços.

Acima de tudo, ele tem o objetivo básico criar uma visão detalhada sobre como a empresa irá entregar sua estratégia. Isso, a fim de gerar valor aos clientes, por meio de seus produtos e serviços.

A sigla VeriSM™ significa:

  • “V” Value-driven (Impulsionado pelo valor);
  • “E” de Evolving (Evoluindo);
  • “R” de Responsive (Responsivo);
  • “I” Integrated (Integrado);
  • “S” de Service (Serviço);
  • “M” de Management (Gerenciamento).

O VeriSM™ é a mais nova conduta de boas e melhores práticas do GSTI (Gerenciamento de Serviços de Tecnologia da Informação).

Esse modelo também é conhecido como “uma nova abordagem de gerenciamento de serviços para a Era Digital”.

Um slogan que faz todo sentido. Pois, o VeriSM™ se encontra adaptado especial para apoiar as empresas e ajudá-las a ter sucesso no mundo dos serviços digitais.

A gestão de serviços é abordada a partir do nível organizacional, como uma visão de ponta a ponta. Isto é, ele foca apenas em um único departamento.

Uma das vantagens desse modelo é que ele mostra como as empresas podem adotar uma série de melhores práticas de gestão, na qual exige ser flexível.

Com o VeriSM™, você não precisa se limitar ao DevOps, Ágil, Lean ou qualquer outra prática. Você pode (e deve) aplicar todas que forem necessárias para a companhia.

O Modelo VeriSM™ é sempre adaptável de acordo com o tamanho do negócio. Por isso, é importante ressaltar que a cultura organizacional afeta diretamente a implementação do modelo operacional. A sua adaptação deve acompanhar as necessidades e transformações da empresa.

Como o VeriSM funciona?

O VeriSM™ adota um modelo conforme representado na figura a seguir:

Modelo funcional do VeriSM
O Modelo VeriSM

A Governança abrange todas as atividades, mantendo um forte foco no valor, nos resultados e nos objetivos da empresa.

Os princípios de gerenciamento de serviços fazem parte da governança e se definem para a companhia.

Estes princípios atuam como uma espécie de guardiões de segurança. Eles garantem que todos os produtos e serviços estejam alinhados com as necessidades da empresa.

Os princípios se aplicam em diversas áreas, incluindo a segurança, risco, qualidade e uso de ativos.

Em seguida, comunica-se a todos os funcionários envolvidos com o desenvolvimento e a operação.

Importante ressaltar o elemento único no Modelo VeriSM™, o Gerenciamento da Malha. E ele inclui:

  • Recursos;
  • Ambiente;
  • Tecnologias emergentes;
  • Práticas de gerenciamento.

Para cada produto ou serviço, essas quatro áreas são consideradas.

Por exemplo, se um produto exige que o desenvolvimento e as operações trabalhem de forma mais próxima, o gerenciamento da malha incluirá o DevOps como uma das práticas de gestão.

Além disso, quando falamos no desenvolvimento e provisão de um produto ou serviço, o VeriSM divide esse processo em quatro estágios:

Definir

Essa etapa se dá quando há a criação do “design” de uma solução.

Essa solução se pauta sempre em pré-requisitos, que envolvem a Governança e os Princípios de Gerenciamento de Serviço.

Produzir

Envolve a construção, teste e a implantação/validação da solução. A solução é construída a partir de um Plano de Serviço.

Prover

É o estágio do Modelo VeriSM™ em que são inclusas as atividades do dia-a-dia e o marketing.

Essas atividades tem um só objetivo: garantir o funcionamento e mais consumidores ao produto/serviço.

Responder

Essa atividade resolve questões de serviço, consultas e solicitações de consumidores e não-consumidores.

Ela é importantíssima, uma vez que influencia diretamente na percepção do consumidor sobre o produto/serviço.

Por que adotar o Modelo VeriSM?

O gerenciamento de serviços representa a capacidade de um provedor de serviços em trabalhar de forma integrada todos os seus recursos, entregando valor e resultados na forma de um serviço.

A princípio, as companhias também já perceberam que trabalhar com várias práticas é muito mais vantajoso.

O VeriSM™ é o que faltava para preencher essa lacuna. Ou seja, com ele, a empresa tem uma visão ampla sobre como os recursos estão sendo utilizados e integrados, além de poder escolher as práticas de gestão certas.

Mas é claro que adotar o VeriSM™ não é algo tão simples.

Todavia, o modelo precisa estar acompanhado do gerenciamento de mudanças organizacionais. Isso sem contar, com um suporte da alta gestão, o engajamento de todos e uma mudança de pensamento das habilidades organizacionais.

Assim sendo, com o VeriSM™, todos os departamentos se viram para uma coisa: prover um serviço de qualidade.

Homem conversando com outro homem sobre modelo de gestão VeriSM e cercado de executivos
O método ajuda as empresas a terem sucesso no mundo dos serviços digitais

Conclusão

O Modelo VeriSM™ veio para transformar ainda mais o Gerenciamento de Serviços.

Toda a sua estrutura é pensada para atender às demandas que a Era Digital trouxe. Por isso, é muito importante que você esteja por dentro de como ele funciona.

Realizar um curso voltado para o Modelo VeriSM™ pode não apenas impulsionar a sua carreira. Mas pode melhorar a forma como a sua empresa fornece um serviço.

PMG Academy RECOMENDA:

Por isso, não deixe de conferir os nossos cursos voltados para as certificações VeriSM™!

E se acaso ficou alguma dúvida, deixe aqui a sua questão.

Nós, da PMG Academy, iremos te responder o mais breve. Até logo mais!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Artigos Relacionados

Artigos
Adriano Martins Antonio

O que é Big Data?

A expressão Big Data não é recente – é possível encontrá-la nos dicionários durante a última década e o seu conceito é ainda mais antigo:

Leia Mais »

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *