Estruturação de Navegação do COBIT

Adriano Martins Antonio

Adriano Martins Antonio

em 25 de maio de 2020
Estrutura do COBIT

Fique ligado

​Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Conheça a Estruturação de Navegação do COBIT e entenda o propósito do processo

A representação mostra os vínculos entre os Critérios de Informações, Processos e Recursos.

Ela é aprendida através do Cubo do COBIT, termo este, usado para explicar alguns conceitos.

Como por exemplo, o relacionamento entre os conceitos de processos de TI, recursos de TI e requisitos de negócio.

E existem diversas informações em cada processo da Estruturação de Navegação do COBIT, juntamente com os objetivos e métricas.

Em síntese, temos a declaração de ações genéricas com a menção mínima e a inicial das boas práticas de gerenciamento.

Desse modo, seguem os métodos de acordo com as declarações:

Graus de controle

Uma letra “P” de Primário ou “S” de Secundário será mostrada nos Critérios de Informações.

Caso seja Primário, significa que o processo impacta diretamente o critério de informação a que se refere.

Por outro lado, se for Secundário, satisfaz  parcialmente ou indiretamente o critério de informação relatada.

Todavia, se estiver em branco, pode ser aplicável.

Entretanto, os requisitos são satisfeitos de forma mais apropriada por um outro critério.

Seja ele neste processo ou ainda por um outro.

Grátis! Curso Online CobiT 5 Foundation Overview.

Descrição do processo

Nesse sentido, acompanhe uma breve definição do objetivo do processo.

Não apenas será uma ajuda a entender o propósito do processo, mas um reforço extra.

1- Domínio a qual o processo pertence

A fim de saber se é Planejamento e Organização (PO), Entrega e Suporte (DS), Adquirir e Implementar (AI) ou Monitorar e Avaliar (ME).

2- Processo de TI

O nome do processo que satisfaça os requisitos de negócio.

3- Meta de TI

Deve-se antes de mais nada atingir os Requisitos de Negócios.

4- Metas do processo

Manter o foco acima de tudo para alcançar as metas de TI.

5- Atividades-chaves

Principais atividades para se atingir os objetivos.

6- Métricas-chaves

Traçar medidas para o alcance dos objetivos.

7- Governança de TI e Recursos de TI

Identificação dos recursos de TI aplicados, seja pessoas, infraestrutura, aplicação ou informação.

Leia também: Carreiras e Certificações na Área de Governança de TI.

Considerações finais

A versão do COBIT 5 trata de um modelo corporativo de negócios e gestão para a governança.

Além disso, a versão contempla o gerenciamento corporativo da TI.

E neste volume, ela documenta cinco princípios e define os sete habilitadores que compõem o modelo.

Assim sendo, caso você queira saber mais sobre a Estruturação de Navegação do COBIT, deixe o seu comentário!

Nós, da PMG Academy, iremos respondê-lo o mais breve possível.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Artigos Relacionados

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *