6 casos famosos de vazamento de dados

Adriano Martins Antonio

Adriano Martins Antonio

em 9 de setembro de 2021

Fique ligado

​Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Quem é da área de tecnologia e/ou negócios, sabe que a maioria das organizações trabalha com algum tipo de recolhimento e armazenamento de informações sobre os clientes e funcionários.  

O problema é que não são apenas as organizações que perceberam a importância dos dados – os criminosos digitais também procuram por essas informações.

Portanto, mais do que nunca, se tornou necessário investir em segurança desses dados. Afinal, o vazamento de dados é um problema real e pode causar sérios prejuízos.

Para saber mais sobre o assunto, continue a leitura.

O que é vazamento de dados?

Vazamento de dados é uma ação projetada por hackers, que tem como objetivo conseguir acesso às informações confidenciais de indivíduos.

Então, com esses dados em mãos, os criminosos conseguem vender essas informações ou até mesmo podem se passar por outras pessoas.

Ou seja, isso acontece quando alguém invade um banco de dados e compartilha as informações obtidas, sem o consentimento e aprovação do dono.

Como você pode perceber, esse tipo de ação traz prejuízos financeiros e muita dor de cabeça para as empresas. Afinal, o vazamento de dados pode até mesmo prejudicar a reputação de uma organização.

Veremos, na sequência, alguns dos casos mais impactantes de vazamento de informações que ocorreram com empresas renomadas. Assim, você pode refletir sobre a importância de proteger os dados, mesmo trabalhando em uma organização de menor porte.

1. Netshoes

A Netshoes é uma das maiores empresas de comércio eletrônico no Brasil.

Entretanto, isso não impediu que ela fosse alvo de vazamento de dados. 

No fim de 2017, as falhas no sistema do site fizeram com que hackers conseguissem acessar e, consequentemente, espalhar as informações de mais de 2 milhões de clientes cadastrados na plataforma!

Por causa disso, a Netshoes teve que pagar mais de R$ 500 mil de indenização por danos morais.

2. Zoom

Em abril de 2020, no começo da pandemia do novo coronavírus no Brasil, muitos trabalhadores começaram a utilizar plataformas de videoconferência, como o Zoom, por exemplo.

Foi também nessa época que um escândalo atingiu a empresa. As credenciais de cerca de 500 mil contas do Zoom foram vendidas ou simplesmente compartilhadas em fóruns da Dark Web. 

A empresa afirmou que eles fizeram de tudo para corrigir o problema. Além disso, alguns profissionais da organização rechaçaram as chances de dados de usuários corporativos estarem entre as contas vazadas.

Contudo, o site BleepingComputer testou com sucesso os dados de login e senha que foram vazados pelos hackers.

3. C&A

A C&A é sem dúvida alguma uma das maiores varejistas do Brasil. Mas isso não impediu que a empresa tenha se envolvido em um caso de vazamento de dados de clientes.

No ano de 2018, mais de 2 milhões de usuários cadastrados no e-commerce  da empresa tiveram seus dados vazados após a ação de um ciberataque realizado por hackers com muito conhecimento em tecnologia.

Na época, informações como número de identificação, e-mail e valor carregado nos vales-presente da C&A foram obtidos por esses hackers.

4. Facebook

Um caso de vazamento de dados, há vários anos, colocou a reputação do Facebook em jogo. Esse vazamento envolveu mais de 30 milhões de usuários.

O mais curioso é que as informações foram vazadas por objetivos políticos, para auxiliar Donald Trump em sua campanha presidencial.

Contudo, os casos de vazamento de dados da maior rede social do mundo não pararam por aí.

E em abril de 2021, novamente, Mark Zuckerberg teve que dar uma explicação para o mercado e para a justiça.

Só que dessa vez, o vazamento de dados atingiu mais de 500 milhões de usuários, e desses, 8 milhões eram brasileiros! 

Esses dados incluem o número do celular, nome completo, nome de usuário e até o e-mail de usuários.

5. Nintendo

O caso de vazamento de dados que ocorreu no ano de 2020 fez com que muitos fãs da Nintendo ficassem com um pé atrás em relação ao trabalho de segurança da empresa.

Os hackers simplesmente conseguiram acessar mais de 160 mil contas de clientes.

Felizmente, a Nintendo foi ágil em perceber o problema. Consequentemente, os prejuízos financeiros não foram tão graves quanto poderiam ser.

Entretanto, apenas o fato de isso ter acontecido já prejudicou um pouco a imagem da empresa.

A solução para tentar amenizar o problema foi abolir recursos de cadastros via site de terceiros.

6. Banco Inter

Toda empresa que trabalha na área financeira sabe a importância de investir em segurança para evitar problemas como o vazamento de dados.

Entretanto, o Banco Inter, um dos pioneiros das contas digitais no Brasil, registrou um vazamento de informações que prejudicou quase 20 mil correntistas.

Isso aconteceu em abril de 2018. Em dezembro do mesmo ano, o Banco Inter fechou um acordo com o Ministério Público e pagou uma multa de R$ 1,5 milhão.

Esse valor foi destinado a instituições de caridade e empresas que atuam contra a ação de hackers na internet.

As consequências do vazamento de dados para uma organização

Como você pode ver, nem mesmo as grandes empresas estão totalmente protegidas contra a ação de hackers.

Quando ocorre um caso de vazamento de informações, as consequências podem ser devastadoras. Ou seja, a empresa pode perder valor no mercado e os clientes, naturalmente, podem migrar para a concorrência.

Por isso, tome medidas que evitem o surgimento desses problemas, não deixando para agir apenas quando realmente ocorrer um problema.

Apesar de não haver uma forma 100% segura de evitar as ações de criminosos virtuais, há várias maneiras de dificultar a ação deles e, assim, proteger os dados confidenciais dos clientes e funcionários de uma empresa.

Portanto, investir em segurança da informação, softwares de qualidade, e, obviamente, em profissionais capacitados que tenham conhecimento na LGPD e em estratégias para proteger e armazenar os dados de clientes nunca foi tão importante.

Por fim, espero que esse artigo tenha feito você entender a importância da segurança de dados para o mundo corporativo!

Leia também: As consequências de uma guerra cibernética

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Artigos Relacionados

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *