Brasil implementa projeto para certificação de TI

PMG Academy

PMG Academy

em 11 de maio de 2015
Brasil implementa projeto para certificação de TI

Fique ligado

​Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Brasil implementa projeto para certificação de TI

O Brasil é o terceiro país do mundo a implementar o processo de certificação Verafirm, da BSA Software Alliance. Esta, voltada para o gerenciamento de ativos de TI nas corporações – os outros dois foram Índia e o México.

Tal modelo foi formalizado no dia 7 de maio, em parceria com o UNASP (Centro Adventista de São Paulo), formado por três campus universitários.

Então, tome nota dos locais. Um na capital, São Paulo; outro na cidade de Hortolândia, onde está a sede; e o terceiro em Engenheiro Coelho, no interior do estado.

A primeira certificação Verafirm foi concedida em 2014 para a fabricante de produtos elétricos paranaense  Romagnole.

Homem entregando certificação Verafirm para executivos homens e mulheres

Resultados

Dados divulgados pela IDC, mostram que 56% das empresas que adotaram processo de gestão dos ativos de software, descobriram que tinham mais ferramentas do que realmente precisavam.

Por outro lado, 38% tinham licenças insuficientes. O mesmo levantamento global mostrou que as organizações perdem uma média de US$ 407,00 em custos de licenciamento de software por computador, por ano.

A escolha do Brasil para impulsionar a certificação (que atende a ISO 19770-1) é justificada pela importância do país nos negócios da BSA Alliance.

“O Brasil é um dos países onde mais se aposta nesse controle de ativos de TI. E o nosso processo vai muito além de um selo. A ideia é permitir, de fato, que as corporações entendam o gerenciamento de ativos. A redução de gastos com licenças de software pode cair até 35%”, explica Frank Caramuru, líder da BSA Alliance no Brasil, em entrevista ao portal Convergência Digital.

O plano da entidade é certificar seis unidades no Verafirm até o final deste ano. E em 2016, chegar a 11 entidades certificadas.

Desse modo, o custo médio para se alcançar essa certificação varia. Ele chega a custar R$ 12 mil, para empresas com até 250 computadores e R$ 17 mil, para as que ficam entre 251 a 500 computadores.

Vantagens

Ao obter a Verafirm, a empresa tem a garantia de que está operando de acordo com padrões de excelência globais e de que está otimizando os seus investimentos em software. Aliás, também obtém o benefício da abstenção de auditoria de software por dois anos, fornecido pelos fabricantes que participam da certificação.

“Quem se certifica é a empresa e não o profissional de TI. Essa é uma questão importante. Gerenciamento de ativos de TI é um desafio para todas as áreas e não apenas para a TI especificamente”, destaca Caramuru.

Além disso, o programa foi desenvolvido com participação de experientes profissionais e auditores de SAM (Software Asset Management) e do time BSA.

De acordo com a BSA Alliance, os principais benefícios da certificação são: o retorno do dinheiro investido.

Uma vez que, 80% das empresas certificadas reduzem seus custos com licenciamento em 35%; tolerância nas auditorias, pois a certificação isenta a empresa de processos de auditoria por dois anos; mais segurança da informação e reconhecimento global.

Veja também! Cursos Online para certificações em Gestão e Governança de TI.

Para receber a certificação Verafirm, o UNASP implementou as melhores práticas para a gestão de seus ativos de software, de acordo com os padrões internacionais da Verafirm. Depois, passou por uma auditoria externa que comprovou o sucesso da operação. Todo o processo levou dois meses.

Para manter e sistematizar essas práticas no longo prazo e de acordo com a realidade do centro, o UNASP vem cumprindo o curso BSA para Software Asset Management (SAM).

“O curso de Software Asset Management (SAM) foi desenhado para profissionais da área de TI. Mas, pode ser estendido a outros executivos, na medida em que a tecnologia se torna cada vez mais estratégica dentro das empresas”, completa Caramuru.

Fonte: Convergência Digital

Dúvidas

Enfim, se você gostou do tema aqui colocado, deixe o seu ponto de vista.

Pois, nós queremos saber o que pensa sobre este texto “Brasil implementa projeto para certificação de TI”!

Mas, se acaso ficou com alguma questão, não hesite em nos perguntar. Dessa forma, fique à vontade para comentar.

Que logo após, nós, da PMG Academy, vamos te responder o mais breve. Até mais!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Artigos Relacionados

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *