É possível ser gestor e programador ao mesmo tempo?

PMG Academy

PMG Academy

em 25 de maio de 2020
Por que resistir à tentação de ter um programador como gestor de projeto?

Fique ligado

​Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

É possível ser gestor e programador ao mesmo tempo? Para entender isso melhor, é preciso pensar sobre os tipos de tarefas

Por que resistir à tentação de ter um programador como gestor de projeto?

A resposta segue por Paul Glen, co-autor do The Geek Leader’s Handbook e um dos responsáveis da Leading Geeks.

Algo que nunca funciona bem: surge um pequeno projeto, que não precisa necessariamente de um gestor de projeto a tempo inteiro.

Sendo assim, decide-se que um dos programadores pode funcionar gerenciando.

Afinal, quem melhor entende o que precisa ser feito do que o programador?

Isso é verdade, e muitos programadores são bons gestores de projeto.

Não há nenhum conflito inerente entre o tipo de pessoa que faz um bom programador e aquele que faz um bom gestor.

Ambos estão orientados para o detalhe e procuram resultados concretos.

Mas, não é simplesmente possível ser um bom programador e um bom gestor de projeto simultaneamente.

Para entender a incompatibilidade, tem que se pensar sobre os tipos de coisas que os programadores e os gestores de projeto são chamados a fazer.

Desenvolver software é como viver num estado de sonho.

Homem programador trabalhando em seu escritório desenvolvendo software
Desenvolvimento de softwares é um processo complexo. Pois, ele envolve etapas entre a concepção do projeto e a sua conclusão

Porém, para ser produtivo, tem que se entrar num mundo totalmente simbólico, onde se manipulam algoritmos e variáveis​​, se preveem fluxos e contingências, se testam ideias e se seguem tópicos complicados de pensamento.

Trabalhar nesse tipo de mundo requer longos períodos de concentração ininterrupta.

Pois, decerto, sempre que há a interrupção, perde-se a linha de pensamento.

E depois da interrupção, pode demorar algum tempo a retornar onde se estava durante 15 minutos ou mais se tiver sorte, e talvez até ao dia seguinte.

Em outras palavras, o custo da tarefa de comutação de tarefas durante o desenvolvimento de software se eleva bastante.

A gestão de projetos exige uma mentalidade e estilo de trabalho totalmente diferentes

Em vez de viver num estado de sonho, os gestores de projetos precisam de estar intimamente e imediatamente ligado aos fatos, emoções e política do seu meio ambiente.

Gestores de projeto não criam apenas planos abstratos e acompanham o progresso perante uma construção teórica.

O seu trabalho é coordenar a atividade de numerosas pessoas, entender o progresso que fazem, quais os obstáculos que enfrentam, de que recursos necessitam e como o trabalho de cada um afeta a produtividade dos outros.

Ou seja, o seu trabalho é quase inteiramente interrompido.

Eles precisam estar disponíveis em todos os momentos para lidar com crises, evitar problemas e comunicar com toda a comunidade de envolvidos.

Não há, simplesmente, maneira de conciliar estes dois estilos de trabalho diametralmente opostos.

Se pedir a alguém para ser um gestor de projeto e um programador, essa pessoa terá que escolher um desses cargos como principal perante o outro.

Leia também nossos artigos sobre carreiras nas áreas de:

Pode optar por ser primeiro um programador e depois um gestor de projeto.

Contudo, em seguida, ele estará amplamente disponível para a equipe do projeto e as partes interessadas externas. Em contrapartida, todo o projeto vai sofrer de falta de liderança.

Ou pode escolher por ser um gestor e depois programador.

Mas, nesse caso, as tarefas de desenvolvimento que ele atribui a si mesmo não são suscetíveis de serem concluídas a tempo ou de serem bem desenvolvidas.

Por isso, se quer melhorar a produtividade de um trabalho, ponha esta tentação de lado.

A escolha de um programador para servir como gestor de projeto pode prejudicar o andamento do mesmo e é cruel para o programador porque está pedindo a essa pessoa que faça o impossível.

Fonte: computerworld

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Artigos Relacionados

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *